Carregando...
 

Informações sobre o atropelamento na Av. Sumaré


Essa página é para organizar informações que estão circulando na lista da Bicicletada e em outros canais em relação ao atropelamento que aconteceu na Av. Sumaré.

No dia 13/06/2011, na parte da manhã, um ciclista foi atropelado numa alça de acesso da Av. Sumaré em frente a Praça Caetano Fraccaroli (local do acidente assassinato(external link)).

As informações que seguem abaixo ainda precisam ser confirmadas dado que o acidente aconteceu faz poucas horas:

  • Foi atropelado por um ônibus da empresa Silvetur(external link)
  • O ciclista que morreu se chamava Antonio Bertolucci (tweet da Renata Falzoni(external link)), um senhor de 68 anos, empresário presidente do conselho de administração do Grupo Lorenzetti.
  • O caso foi registrado na 14º DP (Rua Deputado Lacerda Franco, 372)
  • O motorista alega que o ciclista "estava no ponto cego" do ônibus.
  • Antonio Bertolucci era um ciclista experiente e tinha 15 bicicletas. Uma delas se tornará sua ghost bike.

Manifestação

Manifestação, 13 de junho, no local do ocorrido(external link), às 19h. Será instalada uma ghost bike e feita uma homenagem com flores.
Levem flores, velas, tinta branca, cartazes e muita, mas muita solidariedade e carinho para a família, estão muito abalados.

Como ajudar

  • Envie uma mensagem ao Ombudsman da CET(external link) exigindo sinalização que oficialize o direito do ciclista de utilizar as ruas, campanha de conscientização dos motoristas quanto ao direito de circulação da bicicleta compartilhando a via, divulgação do art. 201 que define espaço de 1,5m ao ultrapassar ciclista, e que sejamos tratados como parte do trânsito, não como suicidas teimosos que insistem em pedalar fora das quase inexistentes ciclovias da cidade.
  • Entre em contato com a empresa Silvetur(external link) pedindo punição exemplar do motorista, que não está capacitado a dirigir um ônibus nas ruas da cidade e coloca em risco a vida de mais pessoas se continuar nessa profissão. O ciclista não se teleportou para o ponto cego do ônibus (se é que esteve nele).
  • Use e divulgue o avatar abaixo:


Fotos

As fotos abaixo foram tiradas por Leopoldo Godoy(external link) e mostram o local do acidente e a bicicleta. São fotos fortes.



Repercussão

Links para posts, manifestações etc.

Outras Vias(external link)
Vá de Bike(external link)
Porque não foi acidente - Vá de Bike(external link)

O G1 chegou a noticiar que segundo o Corpo de Bombeiros "a vítima sofreu ferimentos leves" (mesmo com a foto que foi publicada). A página foi atualizada e a frase foi removida. G1(external link)
Ciclista morre atropelado na Avenida Sumaré, em São Paulo - Estado de São Paulo(external link)
Presidente de conselho da Lorenzetti morre atropelado em SP - Folha de São Paulo(external link)
Executivo da Lorenzetti morre atropelado em São Paulo - UOL Notícias(external link)
Polícia Civil vê "fatalidade" em morte de executivo da Lorenzetti em São Paulo - UOL Notícias(external link)
Protesto após morte de ciclista - UOL Notícias - Fotos(external link)
Corpo de ciclista atropelado é velado em cemitério na Zona Sul de SP - G1(external link)
"Ele era muito responsável", diz nora de executivo atropelado em SP - IG(external link)
Ciclistas protestam na Avenida Sumaré - Bom dia SP Globo(external link)
Motoristas precisam aprender a dividir o espaço no trânsito com as bicicletas - SPTV Globo(external link)
“É preciso diminuir o limite de velocidade”, diz diretor da Ciclocidade - Revista Época(external link)
Segundo CET, 49 ciclistas foram mortos no trânsito de SP em 2010 - Revista Época(external link)
Ciclista atropelado em SP é enterrado na Zona Sul - SPTV Globo(external link)
Ciclistas protestam onde conselheiro da Lorenzetti morreu - Radio CBN(external link)
300 protestam por atropelamento e morte de empresário - Terra(external link)
Apaixonado por bicicletas, ciclista morto fazia trajeto havia décadas - Estadão(external link)
Até quando as autoridades serão coniventes? - ESPN - Renata Falzoni(external link)
Ciclistas grafitam rua onde Antonio Bertolucci faleceu atropelado - ESPN - Renata Falzoni(external link)

Fotos da manifestação:
Luciano Ogura(external link)
@panopticosp(external link)
UOL(external link)
Gonzalo Cuéllar Mansilla(external link)
Adriano Acioli(external link)

Pontos que merecem discussão


- A prefeitura informa que existe uma ciclovia na Av Sumaré, realmente um dia houve esta tal ciclovia, mas hoje é apenas uma esburacada pista de cooper sem os devidos acessos nem sinalizações, tanto que cicloativistas consideram a “Ciclovia” do Sumaré como ruim ou inadequada para transporte ou deslocamento urbano.

- Dos 660 milhões previstos pela CET em arrecadação em multas de trânsito para 2011, nada vai para ciclovias ou qualquer planejamento cicloviário.

- A CET não tem uma única emissão de multa sobre as seguintes infração aos artigos do CTB:

Art 201 que estabelece infração media para quem “ Deixar de guardar a distância lateral de um metro e cinquenta centímetros ao passar ou ultrapassar bicicleta”

Art 220 que estabelece infração gravíssima para quem “Deixar de reduzir a velocidade do veículo de forma compatível com a segurança do trânsito” ao ultrapassar um ciclista na via.

- Segundo o perfil de morte de ciclista em São Paulo, 24 % morrem em acidentes envolvendo ônibus, 51% envolvendo carros, 97% são do sexo masculino, 31% tem entre 50 e 70 anos,.

- A prefeitura calcula a existência de 80 km de infraestrutura viária para bicicleta na cidade, porém, destas, apenas 22 km realmente funcionam para transporte ou deslocamento urbano, e 1,8 foi removido de Parelheiros por um mal entendido entre a Subprefeitura e o Ministério Público.

- Aplicação correta da lei 14.266 que cria a infraestrutura para bicicleta na cidade, com ciclovias, ciclofaixas, faixas compartilhadas, estrutura para bicicleta em pontes, viadutos e novas vias, bicicletários e paraciclos espalhados pela cidade.

- Somando o plano diretor, plano de ciclovias e plano de metas, São Paulo tem 522 km de ciclovias para serem inauguradas até 2012, mas até apenas 10 km foram realmente executados.

- Periodicamente a SMT deve realizar reciclagem com motoristas de ônibus coletivos públicos ou particulares e taxistas sobre a convivência harmônica e segura com ciclistas e pedestres.

- Solicitar ao congresso que crie uma lei para que nos cursos de auto escola tenha um capítulo sobre convivência, direitos, harmonia e respeito com ciclistas na via.


Contribuíram para esta página: adrianojapan , wcruz , wagnertc , vmartim , santiago , rodrigo , palmas , leogodoy , lcbiazon , dysprosio , brunogola e boneysp .
Última modificação da página em Quinta-feira 23 de Junho, 2011 11:01:21 BRT por adrianojapan.