ESPORTES

eSports: o videogame profissional pode ser considerado um esporte?

10/02/2018

Nos dias de hoje, fala-se muito a respeito de encontrarmos atividades cotidianas que possam ser capazes de diminuir o stress e  tensão que sofremos ao longo do dia com tantos afazeres, sejam eles da escola, do trabalho, com a família, dentre outros tipos.

Dentre os inúmeros tipos de passatempo desenvolvidos ao longo do tempo, o videogame tornou-se extremamente popular, principalmente após meados de mil novecentos e oitenta, principalmente devido aos avanços tecnológicos até então.

Obviamente, não podemos dizer que o videogame trata-se de uma atividade física intensa, mas virou sim um esporte, inclusive sendo competido por milhares de pessoas ao redor do globo.

O que antes era reinado absoluto do futebol, está sendo dividido com os apaixonados por videogames. Muitos jogadores profissionais estão se dedicando apenas a  estes tipos de competições, aprimorando cada vez mais suas técnicas. A maioria das emissoras segue a premissa que trata-se de um esporte pois a modalidade possui , na grande maioria dos casos: equipes, treinamentos, prêmios para os vencedores, além do engajamento profissional de muitos jogadores, neste caso, claro, consideremos como atletas.

Perceba de modo mais amplo como funciona a atmosfera dos eSports.

Os eSports, entendido como esportes eletrônicos digamos assim, está inclusive atraindo a mídia televisiva, tamanha repercussão que tem tomado. Grandes emissoras, como por exemplo Sportv, ESPN, voltadas aos esportes de um modo geral, já compraram licenças de transmissão de alguns campeonatos e também possuem alguns programas específicos para a modalidade eletrônica.

O sucesso e a consideração do videogame profissional ser considerado como um esporte se deve ao fato que os hábitos das pessoas mudaram drasticamente ao longo dos anos.

Principalmente em grandes cidades, as criancas nao vao para as ruas com tanta frequência como antigamente. Muitas vezes os pais ou responsáveis não possuem tempo hábil de acompanhar seus filhos em algum determinado treinamento esportivo. Diante de tudo isso, podemos perceber o porquê os jovens iniciam sua carreira profissional nos videogames cada vez mais cedo.

Apesar de não ter o mesmo impacto físico que alguma modalidade convencional de esporte, os eSportes também exigem algum esforço por parte do atleta, principalmente as mãos e seus reflexos, assim como exercitam a mente, definindo estratégias e traçando os melhores meios para obter bons resultados. Digamos que os eSports exige mais esforços do que o xadrez, por exemplo. Além disso, é necessário prévia preparação física também, pela necessidade de se manter horas em uma ou duas mesmas posições, de modo a finalizar um jogo.

Este universo foi retratado, inclusive, em um filme, no qual fez muito sucesso, com o nome de “ Gamer”. O filme retrata a história de um personagem que necessitava de utilizar todos os seus conhecimentos e estratégias para ganhar um jogo contra o sistema que o mantivera prisioneiro.

Obviamente , a sociedade no geral ainda não reconhece os gamers como verdadeiros atletas, mas como tudo nessa vida, aos poucos os horizontes serão abertos e cada vez mais os atletas serão reconhecidos, pessoalmente e também financeiramente, o que é muito importante .

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *